quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

"QUEDA DO BRASIL EM 2016" 'Economist' alerta para queda do Brasil e prevê desastre em 2016



  A tradicional revista britânica "The Economist" escolheu a crise no Brasil como tema de sua primeira capa de 2016. Com o título de "Queda do Brasil" e uma foto da presidente Dilma Rousseff de cabeça baixa, a capa alerta para "ano desastroso" à frente.
Em vez do clima de euforia que seria de se esperar no início de 2016 por causa da realização das Olimpíadas, aponta a revista, o Brasil enfrenta "um desastre político e econômico".
O texto cita a perda do grau de investimento pela agência de classificação de risco Fitch Ratings e a saída do governo do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, menos de um ano após assumir o cargo. A previsão de que a economia brasileira encolha até 2,5% ou 3% no ano que vem também é citada. “Até a Rússia vai crescer mais do que isso”, destaca.
Os problemas na esfera política são outro destaque da reportagem, que lembra que o governo tem sido desacreditado por causa do escândalo de corrupção em torno da Petrobras. E que a presidente Dilma, acusada de esconder o tamanho do déficit orçamentário, enfrenta um processo de impeachmet no Congresso.
 A “Economist” ressalta que, como o B do BRICS, o Brasil “supostamente deveria estar na vanguarda do crescimento das economias emergentes. Em vez disso, enfrenta uma turbulência política e, talvez, um retorno à inflação galopante”. Segundo a publicação, “somente escolhas difíceis podem colocar o país de volta ao curso, mas, no momento, a presidente Dilma não parece ter estômago para isso”.
A revista aponta que o "sofrimento do Brasil", como o das demais economias emergentes, se deve em parte à queda dos preços das commodities globais. Fora isso, o déficit fiscal aumentou de 2% do PIB, em 2010, para 10%, em 2015.

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Casos suspeitos de microcefalia no país chegam a 2.975, mostra boletim



   O número de crianças com suspeita de microcefalia no país aumentou para 2.975, segundo boletim divulgado hoje (29) pelo Ministério da Saúde. A pasta também investiga a morte de 40 bebês com suspeita de terem a malformação devido ao vírus Zika.
Os dados são de registros feitos até o dia 26 de dezembro. Ao todo, 656 municípios de 19 estados e do Distrito Federal têm casos sob investigação. Tocantins, Minas Gerais e Mato Grosso apresentaram diminuição de casos. No balanço anterior, divulgado na última terça-feira (22), eram 2.782 os recém-nascidos com suspeita de microcefalia relacionada ao Zika, em 618 cidades de 20 unidades da Federação.
De acordo com o boletim divulgado hoje, Pernambuco, primeiro estado a identificar o aumento de casos de microcefalia no país, continua no topo da lista, com 1.153 casos em investigação, o que representa 38,76% das suspeitas em todo o país. Em seguida, estão os estados da Paraíba (476), Bahia (271), do Rio Grande do Norte (154), de Sergipe (146), do Ceará (134), de Alagoas (129), do Maranhão (94) e Piauí (51).
Transmitido pelo Aedes aegypti, o vírus Zika começou a circular no Brasil em 2014, mas só teve os primeiros registros feitos pelo Ministério da Saúde em maio de 2015. O que se sabia sobre a doença, até o segundo semestre deste ano, era que sua evolução é benigna e que os sintomas são mais leves do que os da dengue e da febre chikungunya, também transmitidas pelo mesmo mosquito.
Porém, no dia 28 de novembro, o Ministério da Saúde confirmou que, quando gestantes são infectadas por esse vírus, podem gerar crianças com microcefalia, uma malformação irreversível do cérebro, que pode ser associada a danos mentais, visuais e auditivos.
A microcefalia não é uma malformação nova, é sintoma de algum problema no organismo da gestante e do bebê, e pode ter diversas origens, como infecção por toxoplasmose, pelo citomegalovírus e agora ficou confirmado que também pelo vírus Zika. O uso de álcool e drogas durante a gravidez também pode levar a essa condição.

Salário mínimo vai para R$ 880 em 2016



   O decreto foi assinado pela presidente Dilma Rousseff nesta terça-feira e será publicado amanhã no Diário Oficial da União.
O governo afirmou, em nota, que o reajuste dá continuidade "à sua política de valorização do salário mínimo, com impacto direto sobre cerca de 40 milhões de trabalhadores e aposentados, que atualmente recebem o piso nacional".

domingo, 27 de dezembro de 2015

O QUE É O AMOR, SERÁ A FORÇA DO ÓDIO?



Hoje estava lendo uma matéria referente sobre o casamento do humorista Paulo Gustavo, e em seguido fui dá uma olhada nos comentários proferido ao assunto e fiquei a mim perguntar: "o que é de fato o amor?" Bem, o que vi foi muito ódio nas palavras de algumas pessoas e isso me levou á escrever sobre.
 Esta sociedade que se diz tradicional e acusam os mais liberais de acabar com as famílias, deviam observar para seu "ninho" e ver que quem tem feito mal para este mundo não são as novas famílias compostas por pessoas de do mesmo sexo, mas sim filhos gerados em famílias ditas santas que muitas vezes não educam os filhos, ou abandonam os na rua; digo mas se falam tanto em amor porque são cheios de ódio, o será que são acima de Deus? Julgam com se fossem o próprio senhor, citam a bíblia sagrada como pano de fundo para seu preconceito, acredito que Deus não está nesta com vocês, pois o mesmo é o amor maior.
  A sociedade, na verdade não está nem aí com a felicidade das  pessoas, pois criticam tudo; é negro com branco, é feio com bonito, é velho com novo, é gordo magro, é rico com pobre, tudo é usado para querer desqualificar o amor de alguém, gente o que importa é a felicidade do casal, não como eles são; não adiante aparentar perfeição e não ser feliz, existem tantos casais que ao sair na rua são criticados mas a felicidade reina em seu lar, e outros com embalagem perfeitas que vivem em cama separadas.
  A mesma coisa acontece com as religiões, que deviam pregar o amor e acolher, mas o que vemos é uma briga para disputar audiência e seguidores na politica; pregam ódio com a maior cara de pau e tudo em nome da fé, francamente Deus não está bem representado.
  Esta é a minha opinião e quem não gostar fique sem gostar, eu sou assim falo o que sinto não o querem......

COMECEI A NOITE PLAY SHYLTON FERNANDES VERÃO 2015


quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

WhatsApp terá em breve videochamadas


O WhatsApp pode se tornar em breve um aplicativo de mensagens ainda mais completo com a possibilidade de adicionar opção de videochamada.

  A equipe responsável pelo aplicativo ainda não se manifestou quanto à veracidade desta possibilidade mas uma imagem que surgiu no site alemão Macerkopf.de parece atestar que a funcionalidade está de fato a caminho.
De acordo com o Business Insider, o responsável pela publicação da imagem diz que a funcionalidade está presente numa versão ainda não lançada do WhatsApp, nomeadamente a referente ao número 2.12.16.2. Se for verdade, os utilizadores do aplicativo terão de esperar pela sua disponibilização.

BANDA LAPADA UM DIA


BANDA LAPADA QUE RELAÇÃO É ESSA


quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

WhatsApp será bloqueado no Brasil por 48 horas

Operadoras têm ordem para bloquear o WhatsApp no Brasil por 48 horas




  A Justiça de São Paulo determinou que o funcionamento do WhatsApp deve ser bloqueado no Brasil por 48 horas - as operadoras já foram notificadas disso.
O motivo do pedido de bloqueio é desconhecido. De acordo com as informações, a decisão imposta por uma medida cautelar, cujo autor não foi divulgado. Tentamos entrar em contato com o Tribunal de Justiça para mais informações mas eles disseram que ainda não tem detalhes do processo.
A determinação judicial começa a valer a partir das 0h de quinta-feira (17), e o Sinditelebrasil disse que as operadoras vão cumprir a ordem.
Não é a primeira vez que a justiça brasileira tenta bloquear o WhatsApp no país. Neste ano, devido a um caso que envolvia a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, o app chegou perto de ser tirado do ar. Ele também sofre resistência das operadoras - a Vivo, por exemplo, chamou o WhatsApp de "pirataria pura".

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Avaliação ruim/péssima do governo Dilma vai a 70%, novo recorde negativo, mostra CNI/Ibope



  A rejeição à presidente Dilma Rousseff oscilou para cima em dezembro atingindo um novo recorde negativo num momento em que a petista enfrenta a batalha do impeachment na Câmara dos Deputados, com a pesquisa CNI/Ibope mostrando que a avaliação ruim/péssima do governo foi a 70 por cento, ante 69 por cento em setembro.
A pesquisa, contratada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), apontou nesta terça-feira que apenas 9 por cento avaliam o governo como ótimo ou bom, ante 10 por cento três meses antes. A desaprovação da maneira de governar da presidente se manteve em 82 por cento.
O levantamento foi realizado entre 4 e 7 de dezembro, com 2.002 pessoas em 143 municípios. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais

Após polêmica, Bell Marques vai mudar letra de música "Cabelo de Chapinha"



  Nesta segunda-feira (14), os advogados do cantor Bell Marques se reuniram com a promotora de justiça Márcia Teixeira para assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para garantirem a mudança na letra da música "Cabelo de Chapinha", que foi acusada de racismo.
De acordo com o jornal "Correio 24 horas", a polêmica surgiu por que a canção se refere à mulher como "nega" que deve ir ao salão para fazer "chapinha" no cabelo para seu companheiro.
Segundo Márcia Teixeira, Bell Marques decidiu, junto com os três compositores da música, fazer alteração da letra retirando a referência à chapinha. O cantor vai apresentar uma nova versão posteriormente.
Ainda de acordo com a promotora, Bell Marques se comprometeu a fazer publicidade contra racismo e machismo. Além disso, também vai produzir cartilhas sobre discriminação praticada contra mulheres e ventarolas para serem distribuídas durante o Carnaval, relatou a publicação.
Bell usou seu perfil no Facebook para defender a música. Segundo o cantor, essa foi a "forma gentil que o compositor encontrou para enaltecer sua amada e que deveríamos aplaudir".  O cantor ainda pediu desculpas a quem não conseguiu compreender a intenção, em nome dos compositores Escandurras, Fagner e Gileno, e completou: "Cada um se expressa como sabe".

Lucas Lucco faz novo desabafo sobre crises de pânico: "Só penso em coisa ruim"


Lucas Lucco faz novo desabafo sobre crises de pânico: "Só penso em coisa ruim"
  A mensagem de desabafo de Lucas Lucco em seu perfil no Instagram, no último domingo (13) - na qual revela usar remédios para estresse e síndrome do pânico -, foi mais séria do que os fãs imaginavam. Isso porque Rodrigo Byca, empresário do sertanejo orientou a assessoria e família do cantor a não dizer nada a ninguém sobre o assunto.
“Não temos nada a declarar”, frisou o profissional em entrevista ao jornal “Extra”.
Aliás, os colegas de “Malhação - Seu Lugar ao Mundo”, da TV Globo, não sabiam que o ator estava passando por um momento conturbado. O diretor da novela, Leonardo Nogueira, também ficou surpreso com a notícia, mas acredita que não seja nada grave.
“Acredito que foi algo pontual. Lucas nunca reclamou de nada, nenhum cansaço aparente. Ele é ótimo, disciplinado, um cara simpático com todos. Tivemos uma conversa, ele postou o desabafo, mas não acredito que seja um problema recorrente. Não vamos modificar o cronograma de gravações por conta disso”, disse.
Entretanto, uma integrante da novela teen entregou que já viu Lucco cochilando nos estúdios do Projac.
“Ele só grava de segunda a quarta, no máximo até quinta. Já faz todas as cenas e chega para gravar em cima da hora. Está sempre na dele, estudando e decorando. Mas já vi dando uma dormida por lá. Ele é muito educado, mas quase não interage, está sempre concentrado. Fica apreensivo com os textos e grava muito.”
Lucas tem apenas dois shows confirmados até o fim de 2015. Um em Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, no dia 19, e outro só no dia 30, em Búzios, Rio de Janeiro.

 

VEJA NOSSO CANAL NO YOUTUBE



NOSSO CANAL NO YOUTUBE VISITE E SE ESCREVA POR FAVOR.

Amigo de Lula confessa R$ 12 milhões para o PT



  Em seis horas e meia de depoimento nesta segunda-feira, 14, o pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Lula, admitiu à Polícia Federal em Curitiba, base da Operação Lava Jato, que os R$ 12 milhões que tomou de empréstimo junto ao Banco Schahin, em 2004, foram destinados ao PT. Preso desde o dia 24 e denunciado criminalmente nesta segunda, ele apontou os nomes de dois ex-tesoureiros do partido, Delúbio Soares e João Vaccari Neto, como envolvidos no negócio.
Segundo Bumlai, quem sugeriu a ele que fizesse o negócio foi o próprio presidente do banco, Sandro Tordin – que fez acordo de delação premiada com a Lava Jato junto com a família Schahin. Ele disse que Tordin lhe indicou que tomasse o empréstimo ‘para passar ao PT, via Bertin’.
A força-tarefa da Lava Jato, por meio da quebra dos siligos fiscal e bancário dos investigados, havia identificado que logo após os R$ 12 milhões do Banco Schahin entrarem na conta de Bumlai, o montante foi repassado para contas do Grupo Bertin – que foi sócio dos negócios do amigo de Lula.
Bumlai declarou à PF que “ficou de pensar no assunto”, mas que logo no dia seguinte foram à sua residência em Campo Grande (MS) o então tesoureiro do PT, Delúbio Soares, “e mais gente do partido” que afirmou não se lembrar do nome porque “nem abriram a boca na reunião”. Também foi à reunião o então presidente do banco, Sandro Tordin, com o contrato na mão, segundo Bumlai.
A PF quis saber de Bumlai o motivo de ele ter realizado o empréstimo. Ele citou o primeiro grande escândalo da era Lula no Palácio do Planalto que levou à prisão alguns dos principais quadros do PT, entre eles o ex-chefe da Casa civil José Dirceu. “Não tinha havido Mensalão ainda, o partido estava com grande popularidade. Não iria custar nada a mim, eu quis fazer um favor, uma gentileza para quem estava no poder.”
Bumlai disse que “fez um gesto de simpatia, que se transformou em uma grande bobagem”.
Em sua delação premiada, Salim Schahin, um dos donos do grupo, Bumlai e Delúbio disseram que Lula estava a par de empréstimo de R$ 12 milhões tomado pelo pecuarista. No depoimento desta segunda, Bumlai não envolveu o ex-presidente na operação.

Conselho de Ética vota por continuidade do processo contra Cunha



Por 11 votos a 9, os deputados do Conselho de Ética decidiram não aceitar o pedido de vista e dar sequencia à votação do parecer que vai definir o destino do presidente da Câmara, Eduardo Cunha. O presidente do Conselho, deputado José Carlos Araújo, submeteu ao voto a possibilidade de nulidade do relatório apresentada pelo deputado Genecias Noronha, que poderia adiar, pela oitava vez, a votação do relatório. Araújo havia se manifestado contrário ao pedido do Solidariedade e gerou divergências. Diante das manifestações de aliados de Cunha, Araújo pediu para que o colegiado decidisse, e votou como integrante do Conselho, passando a presidência para o deputado Sandro Alex.

PF faz buscas na casa de Eduardo Cunha



  A Polícia Federal faz nesta terça-feira, 15, por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF) uma operação de busca e apreensão na residência oficial do presidente da Câmara Eduardo Cunha, em Brasília, e na casa do parlamentar no Rio. O deputado é acusado por corrupção e lavagem de dinheiro pela Procuradoria-Geral da República, nas investigações da Operação Lava Jato.
A mais recente fase da Operação Lava Jato atingiu em cheio as principais lideranças nacionais do PMDB, partido que está prestes a romper com a presidente Dilma Rousseff. Foram alvos de ação de busca e apreensão dois atuais ministros de Dilma que vinham dando suporte a ela contra o impeachment: Celso Pansera (Ciência e Tecnologia) e Henrique Eduardo Alves (Turismo).
A operação da PF tem outros alvos: os senadores Edison Lobão (PMDB-MA) e Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), os deputados Aníbal Gomes (PMDB-CE) e Áureo Lídio (SD-RJ), o prefeito de Nova Iguaçu, Nelson Bornier (PMDB-RJ), o ex-vice-presidente da Caixa Econômica Federal, Fábio Cleto (aliado de Cunha e exonerado na semana passada pela presidente Dilma), Aldo Guedes – ex-sócio de Eduardo Campos -, Lúcio Bolonha Funaro – delator do Mensalão -, Altair Alves Pinto – emissário de propina de Cunha, segundo os investigadores– e o ex-presidente da Transpetro Sergio Machado.
A operação Catilinárias cumpre ao todo 53 mandados de busca e apreensão – na Câmara dos Deputados, sede do PMDB em Alagoas, na empresa Estre Ambiental, em endereço relacionado a Wilson Quintela Filho -dono da Estre – na residência dos investigados, endereços funcionais, sedes de empresas, escritórios de advocacia e órgãos públicos – expedidos pelo STF, referentes a sete processos instaurados a partir de investigações da Lava Jato. Os mandados, expedidos pelo ministro Teori Zavascki, estão sendo cumpridos no Distrito Federal (9), em São Paulo (15), no Rio (14), no Pará (6), em Pernambuco (4), em Alagoas (2), no Ceará (2) e no Rio Grande do norte (1).
Três carros da Polícia Federal e sete policiais estão na frente da residência oficial de Cunha. O perímetro foi isolado. O celular de Eduardo Cunha foi apreendido.
Catilinárias são uma série de quatro discursos do cônsul romano Cícero contra o senador Catilina.
Eduardo Cunha foi denunciado pelo Ministério Público Federal em agosto. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF) em que acusa Eduardo Cunha de ter recebido propina no valor de ao menos US$ 5 milhões para viabilizar a construção de dois navios-sondas da Petrobrás, no período entre junho de 2006 e outubro de 2012.
Celso Pansera foi apontado pelo doleiro Alberto Youssef, um dos delatores do esquema de corrupção investigado pela Lava Jato, como “pau mandado” do presidente da Câmara, Eduardo Cunha.
O deputado Aníbal Gomes é alvo de quatro inquéritos no STF. O parlamentar é suspeito de ser ‘interlocutor’ do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), que teria usado Anibal Gomes como “interlocutor” dos contatos com a diretoria de Abastecimento da Petrobrás – reduto do PP no esquema de corrupção instalado na estatal.

domingo, 13 de dezembro de 2015

NÃO FUI AO PROTESTO DE HOJE, MAS ELE MIM REPRESENTA




   Hoje com vimos houve protesto em todo o país, os manifestantes pediam o IMPEACHMENT da presidente Dilma e de outros políticos envolvidos em caso de corrupção, como é o caso de Eduardo cunha; sem sombra de duvidas a participação foi bem menor comparadas aos outros dias dos manifestos, mas se deve levar em conta vários fatores para essa baixa participação, isso não significa dizer que os brasileiros estão mais confiantes no governo, ou que não querem que a Dilma saia.
  Eu por exemplo sou a favor do impeachment  e não fui aos protestos, conheço várias pessoas que também ficaram em casa mesmo querendo que o PT caia fora, então essa mídia barata que adora fazer comparações deviam olhar em volta de si mesma e ver  a realidade deste país.

IMPEACHMENT JÁ!!!

WhatsApp faz cópias de suas imagens, saiba como se defender



  Atenção redobrada na hora de mandar aquele “nude”. Você sabia que aplicativos como WhatsApp e Telegram fazem cópias de suas imagens enviadas? De acordo com uma publicação da TecMundo, o desenvolvedor mobile Leocadio Tiné, que esteve em um evento em São Paulo, aconselhou a plateia a não enviar fotos comprometedoras pelo celular.
Ele explicou que apps copiam a foto em uma pasta própria para que a visualização da mesma seja facilitada entre os diálogos. Sendo assim, não basta somente apagar a foto da parta de arquivos. Há uma pasta oculta que pode te prejudicar caso alguém queira agir de má-fé.
A dica é a seguinte, para evitar problemas e se proteger, Leocadio aconselha instalar no smartphone um tal de “gerenciador de arquivos”. A ferramenta te ajuda a achar a pasta oculta. Enfim, abra o gerenciador e siga o caminho: Início >WhatsApp > Media > WhatsApp Images > Sent. Apague o que desejar.
O Telegram também salva suas imagens, tanto as fotos enviadas quanto as recebidas. Ainda segundo reportagem da TecMundo, o app apaga esses arquivos automaticamente depois de alguns dias.
Outro jeito de expurgar de vez fotos comprometedoras é conectar o aparelho no PC ou Mac e procurar pelo arquivo “.nomedia”. Daí e só deletar e ver tudo aquilo que estava oculto. Vá em > Armazenamento Interno > WhatsApp > Media > WhatsApp Images > Sent. Selecione o arquivo em questão (.nomedia) e exclua.

COMUNICADO-NATAL SOLIDÁRIO 2015

PROJETO NOSSA TERRA: COMUNICADO-NATAL SOLIDÁRIO 2015: COMUNICADO VENHO POR DESTE COMUNICAR QUE O EVENTO MARCADO PARA O DIA  19 (NATAL SOLIDÁRIO) QUE IA ACONTECER NO SÍTIO BOMBA D´AGUA FOI ...

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Polícia apreende suspeitos e provas de crimes contra jornalista


  A Polícia Militar comandou hoje (quinta, 10), em oito estados, ações de busca e apreensão relacionadas aos atos de RACISMO sofridos pela jornalista Maria Júlia Coutinho, da Rede Globo, em julho. As medidas tiveram o aval do Ministério Público.
Uma das pessoas detidas foi o auxiliar de produção Kaíque Batista, de 21 anos, morador da zona norte paulistana. Ele negou o fato mas admitiu saber de pessoas que atacaram a jornalista por meio de um grupo do qual é moderador. “Vou falar, não vou segurar o rojão de ninguém”, disse ao G1.
Os suspeitos podem pegar de dois a cinco anos, no caso de racismo, de um a cinco, no de injúria, e de um a três no de organização criminosa. Há a possibilidade de as penas serem somadas.  
 
 

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

gravida quebra carro de marido, apos ser traida


MAIS UM CAPITULO DA NOVELA JOELMA E XIMBINHA

Ximbinha quer impedir Joelma de ser a única a usar músicas gravadas pela Calypso



 Enquanto formavam a banda cantora e guitarrista gravaram canções em espanhol. Algumas delas estão no repertório da carreira solo da artista
Depois de terem disputado a marca Calypso, Ximbinha e Joelma estão prestes a brigar mais uma vez. Isso vai ocorrer porque a cantora incluiu em seu repertório de carreira solo canções em espanhol gravadas ao lado do ex-marido, de quem se separou, oficialmente, em novembro.  A informação é do colunista Fernando Oliveira, do jornal "Agora São Paulo", nesta quarta-feira (9).
Quando ainda eram casados, os artistas gravaram um CD naquele idioma visando o mercado latino. Uma delas, "Pa'lante", já foi divulgada por Joelma que deixa o conjunto no dia 1º do mês que vem. Agora, Ximbinha planeja medidas para impedir que somente a ex-mulher use tais composições.
Guitarrista voltou a assinar seu nome artístico com 'X'
Para marcar a nova etapa de sua carreira, Cledivan, nome de batismo do instrumentista, trocou a assinatura artística mais uma vez.  "Eu antes assinava com "X", mas aí o rapaz que foi fazer a arte do nosso disco colocou com "CH". Eu gostei e passei a assinar com 'CH'. Agora depois de tudo isso resolvi mudar, voltar para o 'X'", lembrou Ximbinha.
A partir do dia 3 de janeiro, o músico irá se apresentar ao lado de Thábata Mendes na Banda XCalypso. Por ora, a dupla vem fazendo participações em shows de outros artistas e em programas de televisão. Ao ser lançada como nova vocalista, a cantora ganhou elogios do guitarrista.  "É uma artista pronta. Uma artista que vem com bagagem muito grande", afirmou Ximbinha.

Banda XCalypso Saudade MUSICA NOVA 2016


terça-feira, 8 de dezembro de 2015

MC CLAUDINHA CANTANDO EU SOU A DIVA QUE VC QUER COPIAR


Oposição vence eleição para formar comissão do impeachment



   Por 272 votos a 199, a chapa formada por deputados da oposição e dissidentes da base aliada venceu nesta terça-feira a votação para escolher os parlamentares que vão formar a comissão especial que vai analisar o processo de impeachment contra a presidente Dilma.
A chapa Unindo pelo Brasil, protocolada nesta terça-feira, é composta por 39 membros. A oponente, formada por parlamentares da base aliada, tinha 47 inscritos.
Isso não significa, contudo, que os partidos da base aliada não terão representantes na comissão. Como a chapa vencedora tem um número inferior ao necessário para formar o grupo que dará o parecer sobre o impeachment, os líderes não contemplados pela chapa vencedora devem indicar os nomes que faltam. 
As escolhas serão, então, referendadas pelo Plenário em uma votação suplementar.

carta de Temer a Dilma



Senhora Presidente,

"Verba volant, scripta manent".

   Por isso lhe escrevo. Muito a propósito do intenso noticiário destes últimos dias e de tudo que me chega aos ouvidos das conversas no Palácio. Esta é uma carta pessoal. É um desabafo que já deveria ter feito há muito tempo.
Desde logo lhe digo que não é preciso alardear publicamente a necessidade da minha lealdade. Tenho-a revelado ao longo destes cinco anos. Lealdade institucional pautada pelo art. 79 da Constituição Federal. Sei quais são as funções do Vice. A minha natural discrição conectei aquela derivada daquele dispositivo constitucional.
Entretanto, sempre tive ciência da absoluta desconfiança da senhora e do seu entorno em relação a mim e ao PMDB. Desconfiança incompatível com o que fizemos para manter o apoio pessoal e partidário ao seu governo. Basta ressaltar que na última convenção apenas 59,9% votaram pela aliança. E só o fizeram, ouso registrar, por que era eu o candidato à reeleição a Vice.
Tenho mantido a unidade do PMDB apoiando seu governo usando o prestígio político que tenho advindo da credibilidade e do respeito que granjeei no partido.
Isso tudo não gerou confiança em mim, gera desconfiança e menosprezo do governo.
Vamos aos fatos. Exemplifico alguns deles.

1. Passei os quatro primeiros anos de governo como vice decorativo. A Senhora sabe disso. Perdi todo protagonismo político que tivera no passado e que poderia ter sido usado pelo governo. Só era chamado para resolver as votações do PMDB e as crises políticas.

2. Jamais eu ou o PMDB fomos chamados para discutir formulações econômicas ou políticas do país; éramos meros acessórios, secundários, subsidiários.

3. A senhora, no segundo mandato, à última hora, não renovou o Ministério da Aviação Civil onde o Moreira Franco fez belíssimo trabalho elogiado durante a Copa do Mundo. Sabia que ele era uma indicação minha. Quis, portanto, desvalorizar-me. Cheguei a registrar este fato no dia seguinte, ao telefone.

4. No episódio Eliseu Padilha, mais recente, ele deixou o Ministério em razão de muitas "desfeitas", culminando com o que o governo fez a ele, Ministro, retirando sem nenhum aviso prévio, nome com perfil técnico que ele, Ministro da área, indicara para a ANAC.
Alardeou-se a) que fora retaliação a mim; b) que ele saiu porque faz parte de uma suposta "conspiração".

5. Quando a senhora fez um apelo para que eu assumisse a coordenação política, no momento em que o governo estava muito desprestigiado, atendi e fizemos, eu e o Padilha, aprovar o ajuste fiscal. Tema difícil porque dizia respeito aos trabalhadores e aos empresários. Não titubeamos. Estava em jogo o país. Quando se aprovou o ajuste, nada mais do que fazíamos tinha sequência no governo. Os acordos assumidos no Parlamento não foram cumpridos. Realizamos mais de 60 reuniões de líderes e bancadas ao longo do tempo solicitando apoio com a nossa credibilidade. Fomos obrigados a deixar aquela coordenação.

6. De qualquer forma, sou Presidente do PMDB e a senhora resolveu ignorar-me chamando o líder Picciani e seu pai para fazer um acordo sem nenhuma comunicação ao seu Vice e Presidente do Partido. Os dois ministros, sabe a senhora, foram nomeados por ele. E a senhora não teve a menor preocupação em eliminar do governo o Deputado Edinho Araújo, deputado de São Paulo e a mim ligado.

7. Democrata que sou, converso, sim, senhora Presidente, com a oposição. Sempre o fiz, pelos 24 anos que passei no Parlamento. Aliás, a primeira medida provisória do ajuste foi aprovada graças aos 8 (oito) votos do DEM, 6 (seis) do PSB e 3 do PV, recordando que foi aprovado por apenas 22 votos. Sou criticado por isso, numa visão equivocada do nosso sistema. E não foi sem razão que em duas oportunidades ressaltei que deveríamos reunificar o país. O Palácio resolveu difundir e criticar.

8. Recordo, ainda, que a senhora, na posse, manteve reunião de duas horas com o Vice-Presidente Joe Biden - com quem construí boa amizade - sem convidar-me o que gerou em seus assessores a pergunta: o que é que houve que numa reunião com o Vice-Presidente dos Estados Unidos, o do Brasil não se faz presente? Antes, no episódio da "espionagem" americana, quando as conversar começaram a ser retomadas, a senhora mandava o Ministro da Justiça, para conversar com o Vice-Presidente dos Estados Unidos. Tudo isso tem significado absoluta falta de confiança;

9. Mais recentemente, conversa nossa (das duas maiores autoridades do país) foi divulgada e de maneira inverídica sem nenhuma conexão com o teor da conversa.

10. Até o programa "Uma Ponte para o Futuro", aplaudido pela sociedade, cujas propostas poderiam ser utilizadas para recuperar a economia e resgatar a confiança foi tido como manobra desleal.
11. PMDB tem ciência de que o governo busca promover a sua divisão, o que já tentou no passado, sem sucesso.

  A senhora sabe que, como Presidente do PMDB, devo manter cauteloso silêncio com o objetivo de procurar o que sempre fiz: a unidade partidária.
Passados estes momentos críticos, tenho certeza de que o País terá tranquilidade para crescer e consolidar as conquistas sociais.
Finalmente, sei que a senhora não tem confiança em mim e no PMDB, hoje, e não terá amanhã.
Lamento, mas esta é a minha convicção. Respeitosamente, / L TEMER À Sua Excelência a Senhora Doutora DILMA ROUSSEFF. Presidente da República do Brasil Palácio do Planalto Brasília, D.F.

Joelma impede na Justiça Ximbinha de usar nome XCa...

OPINIÃO REAL: Joelma impede na Justiça Ximbinha de usar nome XCa...: Cantora desiste de usar Calypso no novo nome artístico                                                                              ...

sábado, 5 de dezembro de 2015

MORRE MARÍLIA PÊRA, AOS 72 ANOS



  Na manhã deste sábado, a atriz, cantora e diretora Marília Pera morreu, aos 72 anos no Rio de janeiro, informou o 'GloboNews'.
Recentemente Marília tratou um desgaste ósseo na região lombar, que a fez se afastar do trabalho por um ano. Ainda não se sabe a causa da morte.
Nas últimas semanas foi noticiado que a atriz estaria enfrentando um câncer de pulmão e que o caso seria tão grave que a família teria montado uma mini UTI na casa dela para oferecer assistência a ela.
Marília trabalhou em mais de 50 peças, quase 30 filmes e cerca de 40 novelas, minisséries e programas de televisão. Um dos últimos trabalhos da atriz foi sua participação na série "Pé na Cova', da TV Globo.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Suposto áudio de conversa que relata barganha assusta o PT



  Informações dão conta que aliados do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), estão divulgando nos corredores da Casa que que o líder do PSC, deputado André Moura (SE), teria gravado a conversa que teve, na última quarta-feira, com o ministro chefe da Casa Civil, Jaques Wagner.
Até o momento, a notícia não foi confirmada e nem desmentida pelo parlamentar do PSC. No entanto, o boato deixou os deputados petistas preocupados, uma vez que com a gravação o deputado André Moura poderia confirmar que houve uma proposta de barganha política vinda do Palácio do Planalto.
A suposta barganha envolveria a troca dos três votos petistas no Conselho de Ética para livrar Eduardo Cunha do processo e em troca o presidente da Câmara barraria o processo de impeachment contra a presidente Dilma, além de aprovar a CPMF.

Joelma impede na Justiça Ximbinha de usar nome XCalypso e administrar a banda



Cantora desiste de usar Calypso no novo nome artístico
                                                                                                                                
  A disputa judicial entre Joelma e Ximbinha pela marca Calypso ganhou mais um capítulo. O guitarrista foi impedido pela Justiça de Pernambuco de adotar o nome Calypso à nova formação do grupo, que passaria a se chamar XCalypso. A informação é da coluna "Retratos da Vida", do jornal "Extra", nesta sexta-feira (4).
Segundo a publicação, Ximbinha também foi afastado da administração do conjunto através de liminar requerida pela ex-mulher, de quem se separou após quase 18 anos de relacionamento. Dessa forma, Joelma ficará responsável por administrar os negócios da Calypso até o final do ano, quando deixará o conjunto. Em seguida, a artista partirá para carreira solo. Já o instrumentista terá ao seu lado Thábata Mendes, com quem já gravou uma nova música, "Saudade".
Cantora desiste de novo nome artístico
No imbóglio, a artista se manifestou a favor que a marca Calypso fosse transferida para os seus filhos, mas o ex-marido foi contra. De acordo com o advogado de Cledivan de Almeida Farias, nome de batismo do guitarrista, não seria válido o título ficar sem uso, pois poderia gerar prejuízo financeiro para os seus criadores.
Acontece que nem Joelma - desconvidada para baile pré-Carnaval por conta de declarações homofóbicas, nem Ximbinha podiam colocar o nome Calypso em suas novas etapas profissionais. Mas mesmo assim o fizeram. De última hora, a cantora desistiu de acrescentar a palavra Calypso em seu novo nome artístico.
Já Ximbinha foi proibido ainda de vender shows usando a expressão XCaplypso. E até a prefeitura de Ananindeua (Pará), palco do primeiro show da nova formação da banda marcado para o dia 3 do mês que vem, pode ser envolvida na confusão. Procurados pela coluna, tanto a cantora como o instrumentista não se manifestaram.
 

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

O Facebook adverte: não é necessário tomar partido por Cunha ou Dilma



  O Facebook mais uma vez se dirigiu aos usuários do Brasil e mandou um recado: “o usuário não necessariamente precisa tomar partido por Cunha ou Dilma. Poupem nossos servidores de textões”, declarou Zuckerberg durante sua licença paternidade. A alta direção do Facebook insiste que não há um Fla x Flu e que não é necessário manifestar sua opinião contra ou a favor de um dos lados. “Apenas fiquem de boa”, apelou Mark.

O passo a passo do processo de impeachment contra Dilma



  No processo de impeachment, esse é o segundo de cinco passos básicos para a instauração do processo de cassação de um presidente da República. Veja abaixo o que acontece em seguida.
 
1) O crime: Um pedido de impeachment pode ser protocolado por qualquer cidadão, mas, para isso, é necessária a caracterização de um crime por parte do presidente que tenha relação com seu mandato vigente. No caso de Dilma Rousseff, as “pedaladas fiscais” em 2015 foram usadas como justificativa de Eduardo Cunha para acatar o pedido, consideradas “crime de responsabilidade fiscal”. São oito possíveis e as pedaladas, segundo o pedido, infringiriam os itens V e VI. Veja abaixo:
Art. 4º São crimes de responsabilidade os atos do Presidente da República que atentarem contra a Constituição Federal, e, especialmente, contra:
I - A existência da União:
II - O livre exercício do Poder Legislativo, do Poder Judiciário e dos poderes constitucionais dos Estados;
III - O exercício dos direitos políticos, individuais e sociais:
IV - A segurança interna do país:
V - A probidade na administração;
VI - A lei orçamentária;
VII - A guarda e o legal emprego dos dinheiros públicos;
VIII - O cumprimento das decisões judiciárias (Constituição, artigo 89).
2) A admissão: Esta é a fase atual. Com os pedidos em mãos, o presidente da Câmara pede análises técnicas e decide se arquiva ou acata o pedido. Este ano, foram 34 pedidos arquivados esse ano, um recorde. Para Cunha, o único que cumpriu os requisitos mínimos foi o dos três juristas.
3) O procedimento: Agora, o requerimento passa por análise de uma comissão composta por parlamentares de todas as bancadas da Câmara. Abre-se um prazo de 10 dias para que a comissão decida por um parecer favorável ou contrário à continuidade do processo. Daí em diante, serão 20 dias para defesa da presidente. Com o relatório pronto, o presidente da Câmara coloca a matéria em votação no plenário da Câmara. Se aceito por ao menos 342 deputados , ou seja, dois terços ou mais dos 513, um julgamento comandado pelo presidente do STF, Ricardo Lewandowski, no Senado. Dilma ficaria automaticamente afastada por seis meses esperando o resultado.
4) A decisão: No Senado, será feito um julgamento comum, cuja decisão será proferida pelos Senadores. Para um impeachment, é preciso novamente dos votos de dois terços da casa, neste caso 54 dos 81 senadores. Além de perder o mandato, Dilma pode ficar inelegível por até 5 anos, decisão que cabe também ao Senado. Caso a presidente seja absolvida, volta imediatamente ao cargo.
5) O próximo passo: Como o processo de impeachment aceito por Cunha não inclui o vice-presidente, em caso de cassação do mandato de Dilma, quem assume é Michel Temer  (PMDB). Não fosse assim e o vice caísse junto, seria o presidente da Câmara que assumiria o cargo interinamente. Neste caso hipotético, por se tratar dos dois primeiros anos do mandato, o Congresso convocaria novas eleições em 90 dias. Na segunda metade do mandato, o Congresso seria o responsável por escolher o novo presidente em 30 dias.

Eduardo Cunha aceita pedido de impeachment contra Dilma Rousseff



  O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), aceitou o pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT) feito pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Jr. e Janaina Paschoal. O peemedebista disse a aceitação do pedido tem "natureza técnica" e que não havia como postergar mais a decisão sobre a questão. "Não ficaria com isso na gaveta sem decidir", afirmou, ressaltando que "nunca na história de um mandato" houve tantos pedidos para afastamento do presidente.
Cunha afirmou que o pedido seguirá "processo normal", dando amplo direito ao contraditório ao governo, e negou indiretamente uma atitude de revanche em relação ao governo. "Minha posição será a mais isenta possível, sem nenhum espírito de torcida", afirmou.
A decisão de Cunha foi tomada horas depois de o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), anunciar que os três integrantes do partido no Conselho de Ética votarão, em sessão marcada para a próxima terça-feira, 8, pela admissibilidade do pedido de cassação de mandato de Cunha apresentado pelo PSol.
"Não tenho nenhuma felicidade de praticar esse ato", disse. "Decisão é de muita reflexão e de muita dificuldade". O presidente da Câmara afirmou que o País passa por muitas crises e que é preciso que a possibilidade de afastamento da presidente seja uma questão enfrentada.No início da coletiva de imprensa, Cunha afirmou que refutou pedidos baseados em acusações sobre mandatos anteriores ao atual e disse que entendeu como constrangimento acusações, divulgadas pela imprensa na segunda-feira, 20, de que teria recebido dinheiro do BTG em troca de aprovação de medida provisória que favoreceu o banco.
O pedido de impeachment cita as “pedaladas fiscais” pelo governo em 2014, segundo relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) que rejeitou as contas da gestão Dilma no ano passado, e a continuidade dessa prática contábil em 2015 .
Para o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), a decisão de Cunha de aceitar pedido de impeachment "foi uma atitude revanchista". O deputado Wadih Damous (PT-RJ) afirma que "Cunha, associado a partidos de oposição, quer dar o golpe".

COMO BAIXAR VIDEO DO YOUTUBE SEM PROGRAMA

 

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

A HISTÓRIA DE UM PAI RICO "ENSINANDO AO FILHO"



  Um dia, um pai de família rico, grande empresário, levou seu filho para viajar até um vilarejo com o firme propósito de mostrar o quanto as pessoas podem ser pobres. O objetivo era convencer o filho da necessidade de valorizar os bens materiais que possuía, o status, o prestígio social... O pai queria desde cedo passar esses valores para seu herdeiro.

Eles ficaram um dia e uma noite numa pequen...
a casa de taipa de um trabalhador da fazenda. Quando retornavam da viagem, o pai perguntou ao filho:
- E aí, filhão, como foi a viagem para você?
- Muito boa, papai, respondeu o pequeno.
- Você viu a diferença entre viver com riqueza e viver na pobreza?
- Sim, pai, retrucou o filho.
- E o que você aprendeu com tudo o que viu nesses dias, naquele lugar tão pobre?
O menino respondeu:
- É pai, eu vi que nós temos só um cachorro em casa e eles têm quatro. Nós temos uma piscina que alcança o meio do jardim, eles têm um riacho que não tem fim. Nós temos uma varanda coberta e iluminada com lâmpadas fluorescentes e eles têm as estrelas e a lua no céu. Nosso quintal vai até o portão de entrada e eles têm uma floresta inteirinha. Nós temos alguns canários em uma gaiola e eles têm todo tipo de passarinho, todos soltos no ar!
O filho suspirou e continuou:
- E além do mais papai, observei que eles oram antes de qualquer refeição, enquanto que nós sentamos à mesa em casa falando de negócios, dólar, festas, daí comemos, empurramos o prato e pronto!
No quarto onde fui dormir com o Tonho, passei vergonha, pois não sabia sequer o Pai Nosso enquanto que ele se ajoelhou e agradeceu a Deus por tudo, inclusive pela nossa visita na casa deles. Lá em casa, vamos para o quarto, assistimos televisão e dormimos.
Outra coisa, papai, dormi na rede do Tonho, enquanto que ele dormiu no chão, pois não havia uma rede para cada um de nós.
Na nossa casa colocamos a Maria, nossa empregada, para dormir naquele quarto onde guardamos entulhos, sem nenhum conforto, apesar de termos camas macias e cheirosas sobrando nos quartos para visitas.

Conforme o garoto falava o pai ficava chocado, sem graça e envergonhado. Foi quando o filho se levantou, abraçou o pai e ainda acrescentou:
- Obrigado papai, por me mostrar o quanto nós somos pobres!

MORAL DA HISTÓRIA
Não é o que você é, o que você tem, onde está ou o que faz que irá determinar a sua felicidade.
Se você tem amor e sobrevive nesta vida com dignidade, um coração bondoso e reta intenção no que faz, então, você tem tudo!

Um lindo presente que recebi e agora repasso para cada um de voces.

Lição De Vida

VOCALISTA DA XCALYPSO SOFRE ATAQUES NA INTERNET


  Hoje resolvi fazer uma pesquisa para ver como andava a aceitação do publico a nova companheira musical de XIMBINHA, após o lançamento da primeira musica da Banda Xcalypso, a musica SAUDADE em termo de visualizações é sucesso sem sombra de duvidas; o problema é alguns comentários feitos por usuários fãs da antiga vocalista Joelma ofendendo Thábata  Mendes. Vejam abaixo alguns exemplos:

  "Hum...senti falta da voz da Joelma!"

  "Prince Royce e Romeu Santos fazendo escola com "sua" bachata."

   "nossa horrível,q voz grosseira,kkkkkkkkkkkkk Joelma é melhor sem dúvidas! a tabaca canta pelo nariz kkklkkkkk horrivelmente horrível nota 0!"

''tá parecendo musica gospel de tão ruim que é''

 Sorte do Ximbinha ou não, mas o bom da história é depois de muito pesquisar vi que apenas 20% dos comentários eram contra a nova voz da calypso, eram apenas fãs magoados com a traição feita por Ximbinha a sua rainha Joelma calypso, no mais pelo o que vi essa banda vai ser sucesso.
 Na minha opinião as internautas devem entender que a Thábata não é a Joelma, ou melhor, a Banda Calypso nem existe mais, agora é Xcalypso.


Mitos e verdades sobre o HIV que você precisa saber



   Recentemente, um dos atores mais reconhecidos internacionalmente por sua fama de conquistador comunicou ser HIV positivo. Charlie Sheen, astro de Two and a Half Man e Wall Street, revelou ao programa “Today”, da emissora NBC, ter recebido o diagnóstico há quatro anos.
A notícia é triste, mas revela uma verdade sobre a mudança no comportamento sexual de homens e mulheres ao redor do mundo. Muitos, inclusive, perderam o medo da doença por acreditar ser muito raro contrair o vírus: entre os jovens de 18 a 29 anos, por exemplo, 40% não usam camisinha, segundo a pesquisa Juventude, Comportamento e DST/AIDS da Caixa Seguros, com supervisão do Ministério da Saúde e da Organização Pan-Americana de Saúde.
O vírus causador da AIDS, ao contrário do que muitos pensam, não é um fantasma. Esse é apenas um dos mitos ao redor da doença que segue afetado milhões de pessoas ao redor do mundo.
Segundo a Unaids – a agência da ONU direcionada para a doença -, o número de pessoas vivendo com HIV/aids aumentou de 30 milhões para 35,3 milhões nos últimos 14 anos. Entre esses casos, 719 mil foram registrados no Brasil: 20,2 a cada 100 mil habitantes possuem o vírus e 56% dos infectados brasileiros vivem na região sudeste.
Existem várias dúvidas e informações equivocadas sobre a transmissão do HIV que precisam ser desmitificadas para ajudar no combate à doença.